+351 961 266 322   |  
Rua do Luar
8500-510 Portimão
Procurar Imóvel

Taxas de Câmbio

EUR  >  0.907 GBP
GBP  >  1.103 EUR
EUR  >  1.195 USD
USD  >  0.837 EUR
Lote de terreno Urbano para construção Centro Parchal Lagoa (Algarve) - excelente localização
50.000€
thumbLote de terreno Urbano para construção Centro Parchal Lagoa (Algarve) - excelente localização
0
t1t2t3t4t5REF AV-PBI-973155m²Venda
Lote de Terreno Urbano, excelente localização, no Parchal, a 5 min de Ferragudo. Lote para construção, 155m², destinado a habitação com comércio, serviços ou hotelaria, em zona muito central do Parchal. Viabilidade de expansão da área do edificio na vertical. A 5 min de Ferragudo e alguns mais das praias que lhe estão mais próximas. Possibilidade de construção de projecto similar ao apresentado nas fotografias suplementares. Estando tão próximo de algumas das melhores praias da região, poder-se-á fazer uma construção de raiz que contemple não só a habitação permanente como, também, o AL (Alojamento Turístico). Junto a escolas e a vários outros tipos de equipamentos sociais tais como Farmácias, Bancos, Correios, Estação de C. F. e área comercial (LIDL, HOMA e STAPLES) A meio caminho entre as cidades de Lagoa e Portimão. Óptima oportunidade. CURIOSIDADES: «Situada na margem esquerda do Rio Arade e desanexada de Estômbar em 20 de Junho de 1997, a freguesia do Parchal é a mais recente do concelho de Lagoa estendendo-se por uma área de 4,5 quilómetros quadrados. O topónimo Parchal parece derivar de Parchel ou Praxel, nome que designava o antigo convento Franciscano situado na vizinha povoação do Calvário, na freguesia de Estômbar. O vocábulo Praxel, que advém do árabe, [carece de fontes] significa lugar alagado ou alagadiço, precisamente como se encontravam as terras do Parchal nas suas origens, constantemente invadidas pelas marés do Rio Arade... A agricultura rudimentar e familiar primeiro, e a pesca e a indústria conserveira depois, foram os pólos de atracção para a criação de um primeiro núcleo habitacional localizado defronte a Portimão e ligado a esta urbe pela então, nova ponte do Rio Arade. No apogeu da actividade piscatória e da indústria conserveira, instalaram - se no território que corresponde actualmente à freguesia, diversas fábricas que representavam emprego e atraíam cada vez mais gente ao local. Quando em meados da década de 70, a indústria conserveira entrou em declínio, o Parchal era já um espaço habitacional consolidado, com forte ligação a Portimão, onde considerável parte da sua população desempenhava actividades ligadas à pesca, ao comércio e serviços... . . A criação da freguesia em Junho de 1997 e a elevação à categoria de vila em Abril de 2001 foram o justo reconhecimento do extraordinário desenvolvimento e de todas as potencialidades e perspectivas que se abrem ao Parchal... » WIKIPEDIA
Armazém com 107.06m2 Centro Parchal Lagoa (Algarve) - wc
90.000€
thumbArmazém com 107.06m2 Centro Parchal Lagoa (Algarve) - wc
0
t1t2t3t4t5REF AV-PBI-1016107,06m²Venda
Armazém com 107,06m², logradouro (74m²), WC, muito bem localizado, no Parchal, entre Lagoa e Portimão. Tem água e luz instaladas e portão eléctrico 5/4m. Óptimo para diferentes tipos de negócio ou apoio a actividade comercial com necessidade de área de armazém, espaço para guardar barcos e/ou outras viaturas. Junto a escolas e a vários outros tipos de equipamentos sociais tais como Farmácias, Bancos, Correios, Estação de C. F. e área comercial (LIDL, HÔMA e STAPLES) PARCHAL Principais Equipamentos Colectivos: - Escola Primária do Parchal - Escola E. B. 2/3 Rio Arade - Porto de Pesca - Pavilhão do Arade - Pavilhão Prof. Manuel Ferraz - Estação de comboios de Ferragudo - Parchal - Igreja do Parchal ou Igreja de São Francisco de Assis Actividades Económicas: Piscicultura; Pesca; Pequena indústria; Construção Civil; Comércio e Extracção de bivalves; CURIOSIDADES: « Situada na margem esquerda do Rio Arade e desanexada de Estômbar em 20 de Junho de 1997, a freguesia do Parchal é a mais recente do concelho de Lagoa estendendo-se por uma área de 4,5 quilómetros quadrados. O topónimo Parchal parece derivar de Parchel ou Praxel, nome que designava o antigo convento Franciscano situado na vizinha povoação do Calvário, na freguesia de Estômbar. O vocábulo Praxel, que advém do árabe, [carece de fontes] significa lugar alagado ou alagadiço, precisamente como se encontravam as terras do Parchal nas suas origens, constantemente invadidas pelas marés do Rio Arade... A agricultura rudimentar e familiar primeiro, e a pesca e a indústria conserveira depois, foram os pólos de atracção para a criação de um primeiro núcleo habitacional localizado defronte a Portimão e ligado a esta urbe pela então, nova ponte do Rio Arade. No apogeu da actividade piscatória e da indústria conserveira, instalaram - se no território que corresponde actualmente à freguesia, diversas fábricas que representavam emprego e atraíam cada vez mais gente ao local. Quando em meados da década de 70, a indústria conserveira entrou em declínio, o Parchal era já um espaço habitacional consolidado, com forte ligação a Portimão, onde considerável parte da sua população desempenhava actividades ligadas à pesca, ao comércio e serviços... » Wikipedia
Lote de terreno Urbano com 420m2 Bela Vista Parchal Lagoa (Algarve) - garagem
135.000€
thumbLote de terreno Urbano com 420m2 Bela Vista Parchal Lagoa (Algarve) - garagem
0
t1t2t3t4t5REF AV-PBI-997420m²Venda
Lote de terreno urbano (420m²) para construção de moradia com uma área bruta de 288m², na Urb. Bela Vista, Parchal. Este lote já teve, em tempos, um projeto aprovado para uma moradia de 3 quartos + 1 escritório, estilo moderno, com janelas amplas e com garagem. O projeto incluía já as diferentes especialidades e, de acordo com informações prestadas pelo proprietário, o processo está pronto para ser reactivado na C. M. Lagoa, a qualquer momento. Inserido em zona calma e sossegada, está estrategicamente localizado a 5 min de Ferragudo, a poucos mais de algumas das mais apreciadas praias da região e de 2 dos mais reputados resorts de Golf do Algarve: os Pestana Gramacho e Vale da Pinta. Estando muito próximo de vários tipos de equipamento social e situado entre Lagoa e Portimão, tem a vantagem de pertencer ao concelho de Lagoa, não só em termos de qualidade de vida mas, também, de benefícios fiscais. Equipamentos Sociais (proximidade): - Escolas que integram o Agrupamento de Escolas Rio Arade (Jardins de Infância e Escolas Básicas) e a Escola básica dos 2.º e 3.º ciclos Rio Arade - Parchal; - Centro de Saúde; - Farmácias; - Ginásio; - Bancos; - Comércio (LIDL, STAPLES e HÔMA) Por último, será uma opção muito inteligente para quem, desfrutando de todas as vantagens anteriormente mencionadas goza, ainda, a enorme vantagem de comprar um terreno que compete, muito favoravelmente com os preços porm² praticados à distância de uns meros 5 minutos de condução - Ferragudo.
Restaurante Equipado em zona central Centro Parchal Lagoa (Algarve) - esplanada, wc, ar condicionado, cozinha, mobilado
195.000€
thumbRestaurante Equipado em zona central Centro Parchal Lagoa (Algarve) - esplanada, wc, ar condicionado, cozinha, mobilado
0
t1t2t3t4t5REF AV-PBI-91260m²Venda
Bem conceituado restaurante, totalmente mobilado e equipado, com 2 esplanadas, localizado em zona central do Parchal Pronto a funcionar e com clientela garantida. Serviço de Take Away. Excelente oportunidade de negócio. Composto por um salão com mesas e cadeiras, um balcão, cozinha totalmente equipada, despensa e 3 casas de banho (2 para clientes e uma, com chuveiro incluído, para o pessoal de serviço). Especificações gerais: Capacidade: 58 lugares sentados (interior); Esplanada: com capacidade para 5/6 mesas. Ar condicionado (2 aparelhos) Cortina de ar Especificações cozinha: Cozinha com equipamento profissional, em inox (aço inoxidável) - 2 grelhadores (um para peixe e outro para carne); - fogão e forno; - 2 fritadeiras; - arca congeladora; - 2 grandes frigoríficos. Vitrine de peixe e vitrine para sobremesas. Histórico da actividade: Quando em pleno funcionamento, tinha uma ementa variada, composta por 3 a 4 pratos do dia, para além dos grelhados: frango, outras carnes e peixe. Actividade complementada, com um grande sucesso, pelo serviço de Take Away. CURIOSIDADES: «Sardinha em lata: A Fábrica Fialho de Ferragudo» « Até à entrada para o último quartel do século XX o Algarve constituiu um dos mais importantes polos industriais do país, recebendo perto de 25% das capturas das pescarias nacionais. Em 1908, a região contava já com cerca de três dezenas de fábricas conserveiras, sendo que dez anos mais tarde eram perto de 100. Só na foz do rio Arade, em ambas as margens, nos concelhos de Lagoa e Portimão, existiram mais de 20 unidades. Em Lagoa contam-se pelo menos 11, distribuídas entre Parchal, Mexilhoeira da Carregação, Ferragudo e Carvoeiro... tendo algumas destas sido fundadas nos finais do século XIX. O abastecimento das fábricas era garantido por uma numerosa frota de embarcações que capturava sardinha, cavala, atum, biqueirão e outros peixes, constituída por galeões a vapor e traineiras e enviadas a gasóleo, que lançavam as redes de cerco e, por buques e canoas à vela ou a remos transportavam o peixe até à doca. Havia, para além das fábricas de conservas, aquelas que complementavam a cadeia de produção, nomeadamente as de farinha e de óleo de peixe. Considerando a quantidade de homens e mulheres necessária ao seu funcionamento, sem contar com o pessoal administrativo e da indústria subsidiária – litografia, cunhos, cortantes, vazio, embalamento, etc., é possível obter uma estimativa da quantidade de gente implicada diretamente e da importância que a economia das conservas de peixe teve no Algarve e em Lagoa-Portimão até ao terceiro quartel do século XX. Só entre as duas dezenas de fábricas da foz do Arade seriam alguns milhares de operários. A este número ainda se pode acrescentar mais uns tantos milhares das tripulações de pescadores e das equipas a operar em terra: reparadores de redes, carpinteiros, pintores, fundidores, mecânicos, serralheiros, torneiros, afinadores de cravadeiras, motoristas marítimos, maquinistas, fogueiros, ferreiros, carregadores, estivadores, cargueiros, etc. As conservas eram, tal como as matérias-primas, de excelência. Iam desde os filetes de sardinha e de cavala aos de atum e de biqueirão em salmoura, óleo ou azeite. As nações do centro e norte da Europa, a recuperar da devastação provocada pelas duas Grandes Guerras, importavam em grandes quantidades, pagando acima da tabela. Foi assim que muitos proprietários fabris e armadores de pesca construíram fortunas que posteriormente aplicaram na construção ou recuperação de solares e chalés semelhantes ao Solar dos Júdices, na Mexilhoeira da Carregação... » Ismael Estevens Medeiros cms. cm-lagoa (website)